CÁRIES DENTÁRIAS

A cárie dentária , aquele famoso “buraco” no dente, é uma infecção causada pelo ácido produzido pelas bactérias da boca, que dissolve os tecidos duros do dente (esmalte, dentina e cemento). E estes ácidos são produzidos pelas bactérias a partir de restos de alimentos ou açúcar na superfície do dente.
Portanto uma dieta rica em açúcares simples é um fator de risco pois é a principal fonte de energia destas bactéria .

Outros Fatores de risco :

  • Condições que diminuem a produção de saliva como a diabetes, síndrome de Sjögren e alguns medicamentos, como os anti-histamínicos e antidepressivos;
  • Pobre ou falta de higiene oral e problemas nas gengivas que causem a exposição das raízes dentárias.

Quais os Sinais e sintomas de cárie dentária ?

  • O principal sintoma da cárie é a dor de dente;
  • Dor pode piorar ao comer ou beber algo doce, frio ou quente;
  • Presença de furinhos em um ou mais dentes;
  • Manchas marrom ou brancas na superfície do dente;
  • Sensibilidade ao tocar num dente;
  • Gengiva inchada e dolorida, pode ser causada pela presença de cavidade (cárie) no dente.

Como prevenir as cáries ?

O melhor a fazer para evitar a cárie é escovar os dentes, pelo menos, 2 vezes por dia e usar o FIO DENTAL para eliminar os restos de comida dos dentes e evitar a formação de placa bacteriana.

Dicas que ajudam a prevenir:

  • Diminuir o consumo de açúcar e de alimentos que grudam nos dentes;
  • Preferir um chiclete sem açúcar por perto;
  • Escolher um creme dental com flúor sempre que escovar os dentes;
  • Preferir alimentos com mais fibras como cenoura, maçã, pepino,  salsão;
  • Complementar a Higiene Bucal com o fio dental , principalmente antes de dormir;
  • Para quem usa aparelho, usar passa fio de preferência sempre depois de comer. Além da maçã ajudar a limpar os dentes e os queijos amarelos equilibrarem o pH da boca, diminuindo o risco de cáries dentárias, existem alguns alimentos que podem a ajudar nesse controle;
  • Ir ao dentista a cada 6 meses, para ajudar com uma limpeza mais profunda removendo completamente a placa bacteriana e se necessário fazer aplicação de flúor nos dentes, para maior proteção da camada de esmalte dentária.